Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, fevereiro 08, 2010

Sem lar.

Não tem morada aqui
Não tem abrigo
Não tem alicerce
Não tem repouso
Não tem aconchego.

Hoje tudo que sou é sombra
Sombra do que já fui um dia.
Sabe que eu te deixei,
você não precisa de mim.
Ninguém precisa de alguém que não sabe o que quer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente