Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, agosto 11, 2010

Do tintilar das coisas...


O tintilar das poesias infames
Se assombra com a falta de coragem da humanidade
Falta coragem pra ser feliz!
O tintilar das poesias de amor
Se assombra com o orgulho dos homens
Falta humildade para repartir!
O tintilar das poesias de tristeza
Se assombra com a indiferença dos homens
Falta compromisso para assumir!
O tintilar das poesias de saudade
Se assombra com a distância dos homens
Falta tempo para fazer amigos!
O tintilar das poesias sem sentido
Se assombra com a falta de criatividade dos homens
Falta inspiração para discernir!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente